Naturpenha – Tratamento Natural para a Psoríase

Sobre a Psoríase

Pode o ómega-3 ajudar a tratar a Psoríase?


Naturpenha
Comentários fechados em Pode o ómega-3 ajudar a tratar a Psoríase?

Simplificando, os ácidos gordos do ómega-3 são gorduras que estão presentes nas membranas das células. São responsáveis por afetar muitas das funções do nosso corpo, desde a coagulação do sangue até à inflamação.

Existem três tipos de ácidos gordos do ómega-3:

  • ácido alfa-linoléico (ALA): encontrado em óleos, nozes e vegetais;
  • ácido eicosapentaenóico (EPA): encontrado principalmente nos peixes;
  • ácido docosahexaenóico (DHA): denominado de ómega-3 marinho, também encontrada em peixes e mariscos.

ALA, EPA, DHA são gorduras poliinsaturadas. As gorduras insaturadas não contribuem para o acúmulo de placas nas paredes das artérias ao contrário das gorduras saturadas. Elas ajudam a reduzir os níveis de triglicérides e níveis de pressão arterial em algumas pessoas, é por isso que elas são boas para a saúde do coração.

ómega 3 e o tratamento da psoríase

Ómega-3 e Psoríase

O ómega-3 ajuda a psoríase devido ao seu papel na prevenção da inflamação.

Alguns medicamentos imuno-supressores podem ajudar a retardar a progressão da doença, e são responsáveis por fazer o corpo parar de se auto-inflingir. No entanto, a questão da inflamação permanece. A inflamação provoca coceira e dor, que será acompanhada do aparecimento dos vermelhões. Embora certos medicamentos possam ajudar a amenizar a inflamação, os ácidos gordos do ómega-3 ajudam a melhorar a sua condição. Isto porque os mesmos têm propriedades anti-inflamatórias, uma das suas principais características.

Os vários tipos de ómega-3 são usados, ​​em conjunto com tratamentos médicos, para uma longa lista de tratamentos de doenças, como as doenças auto-imunes e inflamatórias, que incluem:

1) artrite reumatóide: um outro tipo de doença auto-imune;

2) Doença de Crohn: uma condição inflamatória do intestino;

3) Colite Ulcerosa: inflamação do trato digestivo;

4) Lúpus: uma doença auto-imune;

5) Dermatite atópica: uma condição da pele.

Os ácidos gordos do ómega-3 podem ser eficazes em pessoas com Psoríase, pois esta doença pode interferir tanto com o funcionamento físico, como mental, assim como o cancro e a depressão faz.

O desconforto e a perda de auto-confiança, associados à erupção cutânea, podem causar a difícil conclusão das atividades diárias e levar a um esgotamento. Aumentar a sua ingestão de ómega-3 pode ajudá-lo a sentir-se melhor. É certamente uma alternativa a tentar!

ómega-3 e Psoríase

Fontes de Omega-3:

Dois dos três tipos de ácidos gordos do ómega-3 são encontrados principalmente nos peixes e mariscos, como referido anteriormente. Para aqueles que gostam de frutos do mar, o aumento do consumo deste nutriente essencial será fácil. Um conjunto de outros alimentos, incluindo frutas, verduras e tofu também contêm ómega-3. Se tiver dificuldade em ingerir alimentos ricos em ómega-3, recomendamos que use um dos muitos suplementos de ómega-3 disponíveis no mercado.

Fale sempre com o seu médico ou nutricionista sobre a ingestão de suplementos, neste caso, de óleo de peixe, e se na sua dieta está em falta o ómega-3.

Ómega-3 psoríase