Naturpenha – Tratamento Natural para a Psoríase

Sobre a Psoríase

8 alimentos que podem causar o aparecimento dos sintomas da psoríase

Cientistas ainda não confirmaram uma relação direta entre uma alimentação equilibrada e os sintomas do aparecimento da psoríase, mas algumas pessoas afirmam que a eliminação de certos alimentos e de certas bebidas leva a um alívio dos sintomas. De qualquer modo, não tem nada a perder por isso, é um caso a tentar, que poderá ser uma mais valia.

Algumas pessoa que sofrem de psoríase acreditam que aquilo que comem e bebem condiciona o estado da sua pele. Segundo Jerry Bagel, um dermatologista da Windsor Dermatologia em East Windsor e Hightstown, isso pode ser verdade, mas que ainda não há nenhuma prova científica que apoie a sua teoria.

Ainda assim, afirma que, se encontrar algo que frequentemente provoca o agravamento do seus sintomas de psoríase, deverá exclui-la/o da sua alimentação.

Assim sendo, deixamos algumas sugestões para a sua alimentação equilibrada contra a psoríase.

Estes são oito alimentos e bebidas que são mencionadas frequentemente por pessoas que sofrem de psoríase, e que afirmam que agravam os sintomas e o seu aparecimento. Pode começar por excluí-os da sua alimentação, de modo a conseguir prever se os mesmos têm algum efeito em si:

alimentos-podem-causar-psoriase

1. Álcool.  “Em primeiro lugar, deixe de consumi-lo“, diz Bagel. Aqui está o porquê: O álcool abre os vasos sanguíneos da pele. Quando os vasos sanguíneos se dilatam, os glóbulos brancos, incluindo as células T, que se acreditam serem responsáveis pela psoríase, podendo esgueirar-se para as camadas externas da pele mais facilmente. “Os seus sintomas da psoríase podem aumentar, mesmo que seja um consumidor moderado e/ou pouco frequente”, alerta Chelsea Marie Warren, nutricionista e certificada em Portland, Oregon.

2. Fast-Food. A psoríase é uma doença inflamatória. “Lixos” alimentares tendem a ser ricos em gorduras saturadas, trans, amidos refinados e açúcares, os quais podem promover a inflamação. Outra razão para evitar estas “comidas de plástico” é que que elas são ricas em calorias com pouco valor nutritivo, e os portadores de psoríase sofrem, normalmete, de problemas de obesidade. “Se tem psoríase, tem também um aumento do risco de doenças cardíacas e vasculares”, diz Bagel. Estar acima do peso aumenta esse riso.

3. Carnes vermelhas.  Estas contêm gorduras poliinsaturadas, chamadas de ácidos araquidônicos. “Este tipo de gorduras podem piorar os sintomas de psoríase, uma vez que podem ser facilmente convertidos em compostos inflamatórios,” diz Warren. Deve também incluir na lista de alimentos a evitar as carnes processadas, como salsichas, bacon, entre outras.

4. Produtos Lácteos.  Como a carne vermelha, os produtos lácteos contêm o ácido araquidônico, um inflamatório natural. “O leite de vaca é um dos maiores culpados,” menciona Bagel, pois também contém caseína, a qual tem sido associada à inflamação. As gemas do ovo, também, são ricos em ácidos araquidônicos, por isso considere exclui-los da sua dieta.

5. Plantas Nightshade.  Algumas pessoas relatam que o consumo de plantas da “família das solanáceas” – que inclui pimentos, batatas, berinjela e tomate – agrava os seus sintomas de psoríase. Estes vegetais contêm solanine, um composto químico que foi comprovado que pode causar dor em certas pessoas. “Alguns pacientes acreditam que se evitarem estes vegetais, diminuem os sintomas”, citando Bagel.

6. Citrinos.  Por vezes, uma reação alérgica pode incendiar os sintomas da psoríase. Frutas cítricas, como as laranjas, limões e limas, podem causar esta inflamação. Se os eliminar da sua alimentação poderá melhorar o aspecto da sua pele. Esta proibição inclui também o consumo de limonada e de laranja natural.

7. Glúten.  É uma proteína encontrada em alguns grãos-relacionadas, incluindo o centeio, o trigo e  a cevada. Investigadores descobriram que em Portugal, os sintomas de psoríase diminuíram  em algumas pessoas desde que excluíram esta proteína da sua alimentação por completo. São estudos que ainda se encontram em desenvolvimento, mas a ideia de pacientes com psoríase que beneficiem da exclusão da mesma da sua alimentação ainda é controversa. Mesmo que tal seja verídico, a verdade é que não é fácil conjugar a exclusão de glúten da alimentação.

8. Condimentos. Algumas pessoas que sofrem de psoríase encontram alguns condimentos e especiarias que são os seus piores inimigos. Os que parecem causar mais problemas para as pessoas com psoríase são a pimenta, canela, caril, vinagre, maionese, páprica, molho Tabasco, molho inglês e ketchup. Estão na lista dos “não alimentos”, pois podem levar à inflamação dos sintomas.

Dieting concept. Young Woman choosing between Fruits and Sweets

Embora a pesquisa ainda tenha que confirmar uma ligação direta entre o aparecimento dos sintomas e a sua alimentação, pode começar por exclui-los da sua alimentação, para comprovar por si mesmo se resultam consigo ou não. Certifique-se de compartilhar o que descobriu sobre si com o seu médico ou nutricionista, de forma a que não fique com deficiência de algum nutriente ou vitamina.


Uncategorized
Comentários fechados em 8 alimentos que podem causar o aparecimento dos sintomas da psoríase

Portes grátis para os 10 primeiros clientes a fazer uma encomenda.

campanha-portes-gratis

Temos 10 cupões de portes grátis para os 10 primeiros clientes a fazer uma encomenda.

Eis como beneficiar desta oferta.
1. Acede a esta página: http://www.naturpenha.com/produto/naturpenha/
2. Adiciona o produto ao carrinho
3. Conclui a encomenda adicionando o código do cupão “PORTES-GRATIS”

E já está!

 


Uncategorized
Comentários fechados em Portes grátis para os 10 primeiros clientes a fazer uma encomenda.

10 Formas de prevenir o aparecimento dos sintomas da Psoríase

Quando tem uma doença como a Psoríase, convém seguir as indicações do seu médico. Ainda assim, pode fazer muito em seu próprio proveito para ajudar a controlar e prevenir as crises.

  • Use cremes hidratantes.

Os sintomas pioram quando a sua pele está seca, por isso mantê-la húmida com cremes e loções será obrigatório. Cremes mais espessos e oleosos, como a vaselina, são geralmente melhores, uma vez que ajudam na retenção da humidade abaixo da pele. De forma a ajudar a remover a pele escamada, deverá aplicar o creme em cima das mesmas, e de seguida seguida, cobrir a área com película adesiva ou outro material impermeável. Deixe por algumas horas e depois remova-o.

A patch of psoriasis on an elbow.

  • Cuide da sua pele e do couro cabeludo.

Tenha cuidado com a sua pele. Escolha sempre, cautelosamente, os produtos que irá usar, pois poderão provocar irritações e provocar o aparecimento dos sintomas. Tenha cuidado ao aparar as unhas. Ao cortar-se, poderá provocar uma inflamação dos sintomas. Se tiver psoríase no couro cabeludo, use shampôs adequados e especializados – tais como shampôs de alcatrão – no couro cabeludo. Banhos regulares com produtos suaves, tais como soluções de alcatrão, poderá causar um alívio constante da sua pele.

  • Evite o tempo seco e frio.

O clima pode ter um grande efeito sobre a psoríase. Em muitos casos, o clima frio e seco piora os sintomas. O tempo quente geralmente faz com que os sintomas abrangem, em regra geral.

  • Use um humidificador.

É importante manter a pele húmida. Ligue o humidificador quando notar que a pele se encontra demasiado seca.

  • Evite medicamentos que causam crises.

Notifique o seu médico sobre todos os medicamentos que toma. Pergunte se os mesmos podem afetar a psoríase. Estes são alguns medicamentos que são conhecidos por piorar os sintomsa:

  • Lithium, usado ​​para tratar distúrbios psiquiátricos;
  • Propranolol e, possivelmente, outros beta-bloqueadores, que são prescritos para doenças cardíacas;
  • Quinidine (Cardioquin ou Quinidex), medicamentos para arritmias cardíacas;Se estiver utilizando algum destes medicamentos, consulte o seu médico sobre substitutos.
  • Evite arranhões, cortes, choques e infecções.

É extremamente importante que as pessoas que têm psoríase evitem choques e cortes. Estes traumas da pele podem causar um surto: uma condição chamada “fenômeno de Koebner.” As infecções também podem causar certos problemas futuros. Seja, especialmente, cuidadoso ao fazer a barba. Evite ao máximo acupunturas, tatuagens e faça tudo par evitar picadas de insetos e escoriações.

  • Obter um pouco de sol, mas não muito.

Os raios ultravioleta retardam o crescimento das células da pele, por isso as doses moderadas de sol são suficientes. Seja breve, pois 20 minutos ao sol são suficientes. E, claro, use protector solar. As queimaduras e escaldões aumentem os sintomas de psoríase e ao mesmo tempo o aparecimento de cancro da pele. Tenha cuidado! Alguns medicamentos podem tornar a pele mais sensível aos raios ultravioleta, por isso consulte o seu médico, em primeiro lugar.

  • Evite o stress

Embora não tenha sido comprovada, muitas pessoas associam as crises de stress ao aparecimento da psoríase. Por isso, tente relaxar. Pode tornar-se mais fácil dizer do que fazer, mas poderá usar técnicas de relaxamento, como a meditação ou a yoga, numa fase inicial.

  • Tenha em atenção a quantidade de álcool que ingere.

A conexão entre o álcool e a psoríase não é provada cientificamente, mas algumas pessoas crêem que pode piorar os sintomas, especialmente no sexo masculino. O álcool pode ser perigoso se for conjugado com alguns medicamentos para a psoríase, portanto verifique com o seu médico.

  • Exercício, alimentação equilibrada e manter um peso adequado.

Embora não hajam estudos que mostrem uma ligação entre uma dieta equilibrada e a psoríase, os especialistas recomendam às pessoas uma dieta bem equilibrada, que é rica em frutas e legumes. Algumas pessoas reportaram que os seus sintomas melhoram quando deixaram de consumir leite ou glúten. O exercício físico também pode ajudar a combater os sintomas e aliviar o stress. Alguns estudos mostram que o excesso de peso pode desencadear certas crises, e que por isso, é fundamental manter um peso saudável.

Já conhece o nosso tratamento de psoríase 100% natural?

A Naturpenha desenvolveu um produto com ingredientes 100% naturais, inspirado numa receita centenária, que já produziu excelentes resultados em mais de 800 pacientes em todo o Mundo, como pode testemunhar na secção do nosso website, “testemunho”. O balanço positivo já ultrapassa os 95%, somente através deste produto natural. E o seu caso pode ser o próximo. Porque não testar?

Leia AQUI mais informações sobre o nosso tratamento natural da Psoríase, ou contacte-nos para mais esclarecimentos.


Uncategorized
Comentários fechados em 10 Formas de prevenir o aparecimento dos sintomas da Psoríase

Pode o ómega-3 ajudar a tratar a Psoríase?

Simplificando, os ácidos gordos do ómega-3 são gorduras que estão presentes nas membranas das células. São responsáveis por afetar muitas das funções do nosso corpo, desde a coagulação do sangue até à inflamação.

Existem três tipos de ácidos gordos do ómega-3:

  • ácido alfa-linoléico (ALA): encontrado em óleos, nozes e vegetais;
  • ácido eicosapentaenóico (EPA): encontrado principalmente nos peixes;
  • ácido docosahexaenóico (DHA): denominado de ómega-3 marinho, também encontrada em peixes e mariscos.

ALA, EPA, DHA são gorduras poliinsaturadas. As gorduras insaturadas não contribuem para o acúmulo de placas nas paredes das artérias ao contrário das gorduras saturadas. Elas ajudam a reduzir os níveis de triglicérides e níveis de pressão arterial em algumas pessoas, é por isso que elas são boas para a saúde do coração.

ómega 3 e o tratamento da psoríase

Ómega-3 e Psoríase

O ómega-3 ajuda a psoríase devido ao seu papel na prevenção da inflamação.

Alguns medicamentos imuno-supressores podem ajudar a retardar a progressão da doença, e são responsáveis por fazer o corpo parar de se auto-inflingir. No entanto, a questão da inflamação permanece. A inflamação provoca coceira e dor, que será acompanhada do aparecimento dos vermelhões. Embora certos medicamentos possam ajudar a amenizar a inflamação, os ácidos gordos do ómega-3 ajudam a melhorar a sua condição. Isto porque os mesmos têm propriedades anti-inflamatórias, uma das suas principais características.

Os vários tipos de ómega-3 são usados, ​​em conjunto com tratamentos médicos, para uma longa lista de tratamentos de doenças, como as doenças auto-imunes e inflamatórias, que incluem:

1) artrite reumatóide: um outro tipo de doença auto-imune;

2) Doença de Crohn: uma condição inflamatória do intestino;

3) Colite Ulcerosa: inflamação do trato digestivo;

4) Lúpus: uma doença auto-imune;

5) Dermatite atópica: uma condição da pele.

Os ácidos gordos do ómega-3 podem ser eficazes em pessoas com Psoríase, pois esta doença pode interferir tanto com o funcionamento físico, como mental, assim como o cancro e a depressão faz.

O desconforto e a perda de auto-confiança, associados à erupção cutânea, podem causar a difícil conclusão das atividades diárias e levar a um esgotamento. Aumentar a sua ingestão de ómega-3 pode ajudá-lo a sentir-se melhor. É certamente uma alternativa a tentar!

ómega-3 e Psoríase

Fontes de Omega-3:

Dois dos três tipos de ácidos gordos do ómega-3 são encontrados principalmente nos peixes e mariscos, como referido anteriormente. Para aqueles que gostam de frutos do mar, o aumento do consumo deste nutriente essencial será fácil. Um conjunto de outros alimentos, incluindo frutas, verduras e tofu também contêm ómega-3. Se tiver dificuldade em ingerir alimentos ricos em ómega-3, recomendamos que use um dos muitos suplementos de ómega-3 disponíveis no mercado.

Fale sempre com o seu médico ou nutricionista sobre a ingestão de suplementos, neste caso, de óleo de peixe, e se na sua dieta está em falta o ómega-3.

Ómega-3 psoríase


Naturpenha
Comentários fechados em Pode o ómega-3 ajudar a tratar a Psoríase?

Psoríase e Stress – Qual a ligação?

Embora a Psoríase seja uma doença do sistema imunitário, há uma variedade de factores que podem causar o seu aparecimento. Um desses factores é o stress. Mas porque será isto assim? O stress físico e/ou mental pode causar a libertação de certos agentes químicos que podem causar certos sintomas como: a dor, a comichão e em pior caso, as inflamações. Mas há boas notícias! É que há uma grande variedade de maneiras de lidar com o stress.

Psoríase e o Stress

1) Assuma o controle de seus sentimentos.

A Psoríase pode afetar as suas emoções. Por exemplo, pode sentir-se constrangido ou frustrado, o que pode tornar difícil desfrutar de certas situações sociais. Reconhecendo as suas emoções pode ajudá-lo a sentir-se melhor. Lembre-se sempre que somos todos diferentes, mas todos iguais!

2) Não se desculpe dos seus sentimentos.

É natural e perfeitamente aceitável que se sentia envergonhada/o, irritada/o, ou frustrada/o.

Fale com um amigo, membro da família, ou psicólogo, pois fechar-se da sociedade não é a melhor opção, pelo contrário! É importante ter alguém que ouça os seus sentimentos e preocupações. Um ombro amigo e um pouco de apoio podem fazer maravilhas.

3) Eduque-se.

Saiba mais sobre as possíveis causas da Psoríase e encontre dicas que o ajudem a explicar os sintomas aos círculos onde está inserido. Pode começar por dizer às pessoas que não é contagioso, É uma condição, que irá acompanha-la/o durante toda a vida, do sistema imune ,com sintomas que podem aparecer a qualquer momento.

4) Assumir uma abordagem activa ao tratamento.

Conheça as suas opções e mantenha-se explorando novos tratamentos com o seu dermatologista até encontrar um que funcione consigo.

Informe o seu médico sobre o peso que a Psoríase está a assumir na sua vida. Converse com o seu dermatologista um médico para que ele ou ela entendam, totalmente, como a Psoríase está a afetar a sua vida. Use este guia para o acompanhar nos primeiros tempos.

5) Perder o stress. Sentir-se melhor.

Mantenha-se ativo através de um desporto, faça atividades com amigos ou apenas dê uma caminhada para esquecer os problemas, levantar o espírito e aliviar o stress. Abaixo estão algumas atividades que podem ajuda-la/o a relaxar e geralmente a sentir-se melhor. Escolha aquelas que lhe interessam, mas não se esqueça de confirmar com o seu médico, antes de começar.

5.1) Yoga combina uma série de posturas do corpo e estende-se à respiração corporal. Acredita-se que as posições permitem relaxar os músculos e melhoram o fluxo sanguíneo. Como resultado, o stress e a tensão são libertados.

O exercício regular pode ajudar a diminuir o stress e a relaxar. Tem um efeito calmante sobre as suas emoções.

5.2) A Meditação envolve focar a mente num pensamento, numa palavra, num objeto ou até mesmo na sua própria respiração, durante um determinado período temporal. Embora não seja totalmente claro quais os efeitos que tem sobre o corpo, acredita-se que ajuda a relaxar os músculos, a melhorar a pressão arterial, a frequência cardíaca e a respiração.

5.3) O Tai chi é uma série de movimentos destinados a mover suavemente o “chi”, ou energia, através do corpo. Acredita-se que o benefício vem da prática regular e melhorias lentas na postura e alinhamento do corpo. Os próprios movimentos também são calmantes e relaxantes.

5.4) As Massagens podem ser usadas como uma forma de ajudar a aliviar a tensão muscular, diminuir o stress, e, além disso, ajudam a relaxar o corpo e a mente! Também podem ser utilizadas para aliviar e controlar a dor crónica e aguda.

A visualização e imaginação em certos lugares ensinam-lhe a tornar-se mais tranquila/o e a usar isso a seu favor para aliviar a tensão.

Nunca se esqueça que estes fatores são uma ajuda indispensável para combater os sintomas da psoríase, e para que tenha uma vida mais descansada e tranquila.

Já experimentou o nosso tratamento 100% natural para a Psoríase. Saiba mais aqui.


Naturpenha
Comentários fechados em Psoríase e Stress – Qual a ligação?

4 Suplementos Alimentares para combater a Psoríase

4 Suplementos Alimentares que vão ajudá-lo a combater a Psoríase!

Quer saber quais são os suplementos alimentares que ajudam no combate aos sintomas desta doença? Preparamos este artigo especialmente para si! Neste breve artigo irá encontrar dicas úteis e que estão ao alcance de todos, para que consiga tratar naturalmente este mal que nos aflige.

  • Óleo de peixe e Ómega 3

omega3 kills psoríase

Tomar 10 g por dia de óleo de peixe ou omega-3 pode ajudar a aliviar os sintomas de psoríase, diz a Universidade de Maryland Medical Center dos Estados unidos. Vários ensaios clínicos têm descoberto que tomar suplementos de óleo de peixe pode melhorar as lesões de pele, bem como reduzir a vermelhidão, escamação e coceira relacionada à psoríase, de acordo com o sistema de saúde da Universidade de Michigan. Suplementos de óleo de peixe também podem impedir aumentos de triglicérideos no sangue devido aos efeitos secundários de alguns medicamentos utilizados para tratar a psoríase.

  • Ácido Fólico e Vitamina C

Vitamin C for Psoríase


Tomar quantidades elevadas de ácido fólico, tais como 20 mg tomado quatro vezes por dia em combinação com suplementos de vitamina C, pode melhorar significativamente a psoríase no prazo de três a seis meses, de acordo com estudos preliminares, citados pelo sistema de saúde da Universidade de Michigan. A Universidade de Maryland recomenda tomar 400 mcg por dia de ácido fólico para a psoríase. Os pacientes de psoríase, que tomam metotrexato, um medicamento comumente prescrito que reduz o crescimento de células de pele e inflamação, pode precisar de tomar um suplemento de ácido fólico devido aos efeitos da medicação.

  • Cartilagem de tubarão e Condroitina

Glucosamine combate a Psoríase


Estudos médicos preliminares indicam que tomar cartilagem de tubarão, ou sulfato de condroitina, pode aliviar os sintomas da psoríase em placas, diz a Universidade de Maryland Medical Center.
Tomar 80 a 100g por dia, dividido em duas a quatro doses, pode ajudar com psoríase em placas, mas as pessoas com diabetes não devem tomar este suplemento. A Universidade de Maryland também adverte que a cartilagem do tubarão em suplemento podem interagir com suplementos de cálcio.

  • Vitamina D

Vitamin D against Psoríase


Tomar suplementos de vitamina D não é geralmente necessário porque os medicamentos de prescrição para tratar a psoríase geralmente contêm altas doses deste suplemento, observa o centro médico da Universidade de Maryland. Em casos graves de psoríase, no entanto, tomar suplementos de vitamina D pode ser necessário para reduzir as lesões de pele e impedir a produção excessiva de células da pele, diz o sistema de saúde da Universidade de Michigan. Formas activas de vitamina D podem ser tomadas por via oral ou aplicadas topicamente sobre a pele, o último método, sendo mais seguro e menos provável de causar toxicidade em doentes a tomar outros medicamentos psoríase.


Naturpenha
Comentários fechados em 4 Suplementos Alimentares para combater a Psoríase

Psoríase tem cura?

A verdade é que ainda não descobriram uma cura definitiva para a Psoríase, mas existem tratamentos que ajudam a aliviar os sintomas e são os responsáveis pelo desaparecimento dos mesmos durante longos períodos temporais. Contudo, para tal acontecer, é necessário que sejam cumpridos certos cuidados e que o paciente siga as indicações certas para tornar o seu estilo de vida mais saudável e em concordância com os tratamentos recomendados.

Grande parte do tipo de Psoríase que se identifica no dia-a-dia é menos acentuada e um simples tratamento de pele ajuda a aliviar os sintomas. Neste tratamento mais simples incluímos a constante hidratação da pele, de forma a que a mesma não fique seca e comece a formar placas vermelhas e brancas, do estilo de escamas como se pode ver pela imagem.

Psoríase

A pele hidratada é uma das grandes prioridades para quem sofre desta doença.  Deverá ter em atenção os produtos que usa, pois poderão ser prejudiciais à saúde! Iremos abordar os efeitos negativos de tratamentos não naturais, os que são à base de corticóides.

Em certos casos que são mais raros, mas não impossíveis, a Psoríase é bastante difícil de tratar. O paciente tem de se mentalizar que o tratamento pode ser vitalício, ou seja, terá que ter estes cuidados e aplicar os tratamento para sempre, uma vez que os sintomas podem desaparecer no dia seguinte ao tratamento, mas voltarem passado anos. Serão tratamentos de controle da doença e não de cura total.

Mas não desespere, porque cada vez mais existem tratamentos sem efeitos indesejados e muito eficazes no controle da Psoríase.

Entretanto existem tratamentos que superam as expectativas dos pacientes de Psoríase, por exemplo, a Naturpenha desenvolveu um tratamento natural, que consiste numa pomada à base de plantas e outros ingredientes naturais que se aplica sobre as regiões afetadas, de forma a tratar das feridas e a aliviar os sintomas. No final deste artigo poderá saber um pouco mais sobre este tratamento.

Contudo o tratamento tem que ser coerente a um estilo de vida saudável. Assim, há que ter certos cuidados que são indispensáveis para o seu bem estar:

  • Usar um creme hidratante com efeitos comprovados;
  • Evitar a exposição das áreas afetadas à luz solar;
  • Ter uma alimentação equilibrada, optar por alimentos como fruta e vegetais, principalmente bróculos, cenoura e papaia. O pescado é sempre aconselhado, dando preferência aos ricos em ácidos gordos polinsaturados (ómega 3), como cavala, salmão, atum, sardinha ou arenque.
  • Evitar as carnes vermelhas e enchidos pois podem provocar maior irritação da pele, tal como os alimentos muito condimentados com pimenta ou outras especiarias, por exemplo;
  • Consumir um suplemento de ómega 3 para ajudar à desinflamação.

O facto de serem necessários certos cuidados especiais, leva a que também seja necessário evitar certas situações:

  • Lesões que possa sofrer na pele. Isto é, cortes na pele, feridas que apareçam, em especial destaque a zona junto às unhas, podem levar ao aparecimento das camadas vermelhas e/ou brancas mais facilmente;
  • Ansiedade e stress são, definitivamente, grandes potenciadores do aparecimento dos sintomas;
  • Infeções tornam as suas defesas menores o que potência o aparecimento dos sintomas;
  • Medicamentos não prescritos pelo seu médico. Não se auto medique, e sempre que for necessária a ingestão de um medicamento, consulte um especialista, médico ou nutricionista;
  • Álcool e tabaco devem ser evitados ao máximo, pois o tabaco é conhecido por envelhecer a sua pele e o álcool irá incendiar os sintomas.

Há testemunhos de indivíduos que descobriram que as suas intolerâncias alimentares, tais como à Lactose e Glúten, contribuem para o aparecimento dos sintomas da Psoríase.

Como referido anteriormente, há certos tratamentos não naturais para o alívio da Psoríase. Esses tratamentos são, na maior parte das vezes, à base de corticóides. E, neste momento, estará a perguntar o que são corticóides, correto? Corticóides são medicamentos produzidos à base de cortisona. A cortisona é naturalmente produzida pelo nosso corpo. Estes tratamento são conhecidos por serem muito fortes, o que leva ao desaparecimento dos sintomas rapidamente, geralmente, em alguns dias. Mas nem tudo é positivo. Por ser um tratamento bastante forte resulta em alguns efeitos colaterais. O uso em excesso leva a que o organismo crie uma resistência ao mesmo, deixando de se ter o efeito desejado. Não contribui para o desaparecimento dos sintomas, mas sim para o seu agravamento, e em alguns casos, muito severo. Outros dos sintomas, menos graves, são o aumento do peso, a queda do cabelo e o aparecimento de acne por todo o corpo.

Por outro lado, a Naturpenha desenvolveu um produto com ingredientes 100% naturais, inspirado numa receita centenária, que já produziu excelentes resultados em mais de 800 pacientes em todo o Mundo, como pode testemunhar na secção do nosso website, “testemunho”. O balanço positivo já ultrapassa os 95%, somente através deste produto natural.

Leia AQUI mais informações sobre o nosso tratamento natural da Psoríase, ou contacte-nos para mais esclarecimentos.


Naturpenha
Comentários fechados em Psoríase tem cura?
tratamento

Tratamento

Tratamento natural para a psoríase

A Naturpenha – Centro de Tratamento de Psoríase desenvolveu há mais de 10 anos um tratamento à base de produtos naturais que tem sido muito eficaz no tratamento da Psoríase como mencionado no nosso site, pelo testemunho dos nossos pacientes.

O Tratamento Naturpenha não tem qualquer contra-indicação e não tem efeitos secundários na sua aplicação, pois não contém químicos e não contém cortisona.

O nosso tratamento está indicado em todos os tipos de Psoríase e pode ser aplicado em todas as zonas do corpo, incluindo o couro cabeludo.

Nestes últimos anos, a nossa missão tem sido ajudar os nossos pacientes no combate a esta doença muito complicada física e psicologicamente. Temos tido resultados excelentes, entre 95 a 100% dos nossos pacientes estão limpos de lesões.

O Tratamento Naturpenha limpa o corpo das lesões durante um período de tempo que é indeterminável. Temos pacientes que nunca mais tiveram manifestação da Psoríase e outros que melhoram totalmente e que depois voltaram a ter algumas manchas facilmente controladas com a a re-aplicação do tratamento. Cada caso é um caso e depende muito de paciente para paciente, da sua alimentação, do seu estilo de vida, do stress e acima de tudo da sua disponibilidade para fazer bem o tratamento.

Antes de iniciar o tratamento é importante saber qual o aspecto da ferida, ou seja, se possui sinais inflamatórios, pois antes de iniciar o tratamento é necessário tratar primeiro a inflamação, pela aplicação de um anti-inflamatório que será fornecido por nós caso deseje, só depois poderá iniciar o tratamento. Podemos fornecer um anti-inflamatório, que terá de ser comprado aqui na nossa loja online e tem um custo de 15€.

O Kit completo “NATURPENHA” custa 99 € e contem:

  • 1 frasco tratamento Psoriase (escuro)
  • 1 pincel
  • 1 panfleto de instruções de aplicação.

O Tratamento de Psoríase consiste na aplicação de uma “pomada” escura sobre a zona afectada. O preço e a duração do tratamento são variáveis, dependendo da quantidade de Psoríase que cada paciente possui. Este tratamento pode ser feito por si em casa, pela aplicação do produto na pele, até ao desaparecimento das manchas, por isso, o custo do tratamento pode variar conforme a quantidade de frascos que gastar. Não necessita de ir ao centro de tratamento, o produto poderá ser encomendado no nosso site ou por telefone e enviado pelo correio. O tratamento terá uma maior eficácia se permanecer na pele 2 a 3 dias, sem que a zona afectada seja lavada.

 


Naturpenha
Comentários fechados em Tratamento
O que é a Psoriase

O que é a Psoríase?

A Psoríase é um problema (doença crónica) da pele que leva a que as células da pele cresçam muito rapidamente, resultando em manchas espessas, brancas, prateadas, ou vermelhas na pele, entre outras.

O que normalmente acontece é que as células da pele crescem gradualmente e descamam a cada quatro semanas. Novas células da pele crescem para substituir as camadas externas da pele.

Contudo, o que acontece é que nos casos de quem é portador de Psoríase, as novas células movem-se rapidamente para a superfície da pele, demorando dias, em vez das semanas, que era o suposto acontecer. Elas acumulam, e formam manchas densas, chamadas de placas (“plax”). As manchas podem ter vários tamanhos, dependendo do caso em questão.

Onde aparecem? Os casos mais normais, aparecem nos joelhos, cotovelos, couro cabeludo, mãos, pés, ou parte inferior das costas.

Em quem é mais comum a Psoríase? É mais comum em adultos, mas as crianças e adolescentes podem obtê-la, também.

Tendo Psoríase pode ser embaraçoso, e muitas pessoas, especialmente adolescentes, tendem a evitar a natação e outras situações em que as manchas possam ficar expostas. Mas há muitos tipos de tratamento que podem ajudar a manter a Psoríase sob controle.

Especialistas acreditam que a Psoríase ocorre quando o sistema imunológico tem uma reação exagerada, causando uma inflamação e a subjacente escamação da pele. Em alguns casos, a Psoríase ocorre em famílias, pois passa de geração em geração.

As pessoas que possuem esta doença, muitas vezes, encontram situações em que a pele fica num pior estado. Estas “crises” podem ser explicadas por: um clima frio e seco, infecções, stress, pele seca, e certos medicamentos.

A Psoríase não é contagiosa, e obviamente que não pode ser transmitida pelo contacto físico.

Os sintomas da Psoríase aparecem de várias formas e maneiras:

1) A Psoríase pode ser leve, com pequenas áreas de erupção cutânea.

2) Quando a Psoríase é moderada ou grave, a pele fica inflamada com áreas vermelhas levantadas e cobertas de pele escamada.

3) Se a Psoríase é grave, a pele fica extremamente irritada. Por vezes pode formar grandes manchas e ser bastante desconfortável.

A Psoríase também pode afetar as unhas, fazendo com que as unhas fiquem mais fracas.

Em alguns casos, mais extremos, a Psoríase faz com que as articulações se tornem mais sensíveis, inchadas e os movimentos mais dolorosos. Um tipo de Psoríase denominada por artrite psoriática. Os sintomas geralmente desaparecem, mesmo sem tratamento, e tendem a voltar.

Para tal, há que tentar prevenir e controlar os sintomas da Psoríase. É fulcral que se lembre da importância de uma alimentação saudável, e que esta deva ser rica em antioxidante e gorduras saudáveis, tais como o omega-3, procurando uma constante hidratação da pele, mantendo sempre constantes os níveis de stress, através de uma vida ativa e saudável, para o seu bem estar.

Aliada à boa alimentação e a um estilo de vida calmo, existe ainda a ajuda de produtos naturais que previnem e controlam os sintomas da Psoríase. A Naturpenha é responsável pelo desenvolvimento de um produto com ingredientes 100% naturais, através de uma receita muito antiga, que produziu excelentes resultados em mais de 95% dos seus pacientes.

Em que consiste este produto da Naturpenha? É um produto artesanal que é aplicado nas feridas, e que diariamente possui um número crescente de adeptos em todas as partes do mundo. Leia AQUI mais informações sobre o nosso tratamento natural da Psoríase.


Naturpenha
Comentários fechados em O que é a Psoríase?
tratamento_plantas

Tratamento natural com base em plantas

Tratamento natural para a psoríase testado em centenas de pacientes com uma excelente taxa de sucesso.

O tratamento para a Psoríase da Naturpenha é um tratamento natural baseado numa receita tradicional que demonstrou excelentes resultados em pacientes com esta doença, e que foi posteriormente aproveitada e melhorada pela Naturpenha dando origem a este tratamento.

Foi desenvolvido há vários anos e testado em centenas de pacientes com uma eficácia entre os 95 e os 100%.Na maior parte dos pacientes o tratamento foi definitivo, deixando a pele completamente limpa.

Os casos em que os sintomas de psoríase se voltaram a manifestar, foram facilmente controlados e eliminados com nova aplicação do nosso tratamento.

Comprove os testemunhos dos nossos pacientes aqui.


Naturpenha
Comentários fechados em Tratamento natural com base em plantas